Portal serviços

www.marianacidade.com.br - Pode não existir um mundo perfeito, mas você pode lutar por um melhor.

  • Impeachment - Quais as melhores atitudes o investidor deve fazer

    | Cliques: 346 Impeachment - Quais as melhores atitudes o investidor deve fazer

    “O investidor deve ter em mente que as oscilações são pertinentes aos ativos de longo prazo, portanto, não seria racional tomar decisões motivadas por situações de momento", afirma André Bona, Educador financeiro do Blog de Valor

    Dois pedidos de impeachment foram protocolados contra o atual presidente do Brasil, Michel Temer, com base no caso da JBS. Com a alta instabilidade política, as incertezas criam impactos diretamente no mercado financeiro, pois as expectativas dos agentes econômicos se modificam e não se consegue precificar com segurança os ativos. “O investidor deve ter em mente que as oscilações são pertinentes aos ativos de longo prazo e que volta e meia eles podem ter solavancos. Porém, se o investidor realmente fez esses investimentos com objetivo de longo prazo, não seria racional tomar decisões apressadas, motivadas por situações pontuais de momento. Mas tenha a clareza de que em longo prazo, eventos dessa natureza serão diluídos por completo no tempo”, alerta André Bona, educador do Blog de Valor.

    Os investidores mais experientes vão ainda mais além, aproveitando o eventual dinheiro em caixa para avaliar a possibilidade não de se desfazer desses ativos, mas ao contrário, uma vez que volatilidades políticas elevam as taxas do tesouro nos títulos de longo prazo e faz com que ações com bons fundamentos fiquem mais baratas, ir às compras em momentos turbulentos poderá trazer belos resultados em longo prazo. “Quanto aos investimentos de curto prazo, como fundos DI, CDBs com liquidez diária e tesouro Selic, não há impactos, pois são investimentos mais conservadores. Já com investimentos prefixados e ativos de longo prazo, tais como títulos do tesouro IPCA e instrumentos de renda variável, como as ações, a volatilidade faz com que os preços se movimentem de maneira mais brusca, exigindo maior controle emocional do investidor”, explica o educador financeiro.

    É interessante notar que momentos como esse, ajudam o investidor a se conhecer e verificar realmente qual o seu perfil. Pois, normalmente o perfil do investidor tende a ser diferente do que ele pensa que é. E muitos investidores querem acompanhar a alta do mercado de ações, entretanto, se pegam em desespero quando o mercado oscila. Ou seja, ele pensava que era agressivo e agora vê que não é exatamente assim. “Aqueles que se sentem inseguros com oscilações do mercado, devem primeiramente avaliar se há mesmo um perfil para investimentos que leve em sua essência a possibilidade de oscilações bruscas. Talvez não lhes seja recomendado, e não haja nenhum tipo de demérito caso o investidor se desespere e queira se desfazer de suas posições”, ressalta André Bona. Porém, é importante perceber que se esse for o caso, talvez ele consiga ter o aprendizado de que ele não possui perfil para investimentos de risco. “Para não ficar totalmente perdido em momentos assim, é ainda mais imprescindível que as pessoas façam os investimentos que se adequam ao seu planejamento e objetivos pessoais. Esse deve ser o guia, ao invés de ficar alterando posições por mudanças pontuais a cada balançada do mercado”, finaliza Bona.

     

    Sobre André Bona

    André Bona possui mais de 10 anos de experiência no mercado financeiro, tendo auxiliado milhares de investidores a melhorar a rentabilidade de seus ativos. Durante anos, foi sócio da Valor Investimentos, uma das maiores empresas de assessoria de investimentos no país.

    Atualmente, como um dos educadores financeiros mais conhecidos do país, possui mais de 60 mil inscritos no seu canal no youtube. É criador do método “O Investimento Perfeito”, cuja filosofia e diferencial constam no fato de que as decisões de investimento são tomadas em função de projetos pessoais de cada um.

     

    Sobre o Blog de Valor

    Criado em 2011 com a iniciativa de André Bona, o Blog de Valor, tem como missão contribuir para que as decisões financeiras de seus leitores se tornem cada vez mais conscientes, trazendo melhor qualidade de vida financeira através de uma linguagem simples e direta.
                Em 2012 iniciou o canal de vídeos na internet e em 2015 foi convidado para participar do programa de desenvolvimento do Youtube, com executivos da sede da empresa no Califórnia - USA. A sua produção educacional tem sempre como finalidade auxiliar pessoas e famílias a compreender melhor o mercado financeiro, por meio de conteúdos de fácil linguagem. Hoje seu canal possui mais de 66 mil inscritos, sua página no Facebook recebeu mais de 60 mil curtidas. Além disso, outros 50 mil leitores recebem newsletter do blog por e-mail semanalmente.


Empresas & Marcas